Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

riscos_e_rabiscos

.

.

As Minhas Leituras de Infância.

A propósito da reedição dos livros das “Aventuras dos Cinco”, ao que parece há muito esgotados em Portugal, voltei atrás no tempo.

 

Lembrei-me das minhas tardes de verão, deitada em cima da minha cama com o meu cão Rex (que desapareceu e nunca o encontrámos :() deitado aos meus pés a devorar os livros de banda desenhada e aventura que eu tanto adorava.

 

A minha mãe sempre me incentivou à leitura. Não me lembro de lhe pedir um livro que ela não mo tivesse comprado. E ela própria me comprava alguns por sua livre iniciativa.

 

Talvez um dos primeiros livros mais giros que tenha tido, tenha sido este:

Amava os livros da Anita, as suas ilustrações, as aventuras. Ainda os tenho e continuo a achá-los como dos mais belos em termos de ilustrações.

 

Depois vieram as Aventuras dos Cinco, que me fizeram viver as histórias que protagonizaram, a colecção do “Colégio das Quatro Torres” que lia emprestados. Tive poucos.

         

Quem se lembra ainda dos livros da Patrícia? Estes eram os meus favoritos. Calculo que não deviam ser livros muito baratos na altura embora eu tivesse bastnates. Mas uma amiga minha cujos pais eram “ricos” tinha todos os livros. Sempre que saia um, os pais compravam-lhe. Acabei por lê-los quase todos.

Depois havia a banda desenhada da Luluzinha. Ainda hoje adoro! quando brincava com uma amiga minha que tinha um irmão mais velho – e respectivos amigos – nós imaginávamos que tínhamos o tal clube do “Menino não entra”. E até colámos um letreiro na porta do quarto dela. Será escusado dizer que deu confusão, não é? :)

Sabem, apesar de, naquela altura, não haver tanta variedade como agora, líamos muito mais pois não tínhamos consolas, internet e sei lá mais o quê para nos distrairmos. E sabem que mais, não sei até que ponto não éramos mais felizes…

 

10 comentários

Comentar post